quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Dias de Chuva.


DIAS DE CHUVA

Gosto dos dias de chuva...
Do cheiro da terra
Quando deságuam as primeiras nuvens...
Da dança das goteiras
Quando ultrapassam os beirais da casa.
Gosto das lembranças dos dias de chuva...
De correr de pés descalços na enxurrada,
Fechava os olhos sorrindo quando ouvia os trovões.
Depois, arremessava pedrinhas nas poças d’água
E inventava uma cachoeira...
Gosto dos dias de chuva...
Caindo mansa sobre o telhado
Como quem baila uma canção de amor.

(Sirlei L. Passolongo)

Enviado pela amiga Regina.

3 comentários:

Charle Stone disse...

chovendo muito nesse janeiro no rio de janeiro... Teu poema veio a calhar....

Rose"O que fazemos na vida, ecoa na eternidade... disse...

Obrigada pela sua presença e pelo comentário, Charle.
Seja sempre bem vindo!

Lucas Vallim disse...

Ótimo post! Voltarei mais vezes.